ABOUT US (quem somos)

bloggers-london- lifestyle

Fabrizio

editor@londonlifeandstyle.com

Eu me considero um Italiano “puro sangue” (ou seja, nascido e criado na terra, a base de “torta al testo”) porém, atípico. Logo cedo, percebi que no aconchego da província, eu me sentia mais um peixe fora d’agua do que vivendo “perdido” na selva urbana que é Londres. A primeira vez que morei aqui, entre uma taça de chá no Royal Hall e muita conversa fiada no parque St James, fiz amizade com um senhor Inglês. Ficou marcada, em minha memória, a surpreendente declaração de amor que ouvi dele, enquanto me lamentava do mau tempo: você não consegue enxergar quantas belas nuances de cinza tem este céu Londrino?. Foi assim que comecei a apreciar os dias acinzentados de Londres e a Fotografia em preto e branco.

I was born and bred in Italy, but I felt more of a lone voice in the wilderness living in a small province than I do in the urban jungle that is London. Over tea at the Royal Albert Hall and chit-chat about the weather at St James’s Park, I became friends with an English gentleman who once recounted to me the most idiosyncratic declaration of love. After I’d been complaining about winter, he replied to me: “can’t you grasp how many shades of grey there are in the sky? Every single grey day in London can be so ‘greyt’!” That’s how I started appreciating misty London days… and how my interest in black and white photography was born.

Fabiana

info@londonlifeandstyle.com

Para mim, nascida no Brasil, mas vivendo no exterior há muito tempo, talvez seja até menos complicado encarar outra mudança. Já dizia Gonzaga, Rei do Baião: “quem sai da terra natal, em outros cantos não pára”. Tenho muito orgulho de minhas origens nordestinas e carrego no peito a força de quem sabe que jamais vai (tanto menos, deseja) cortar esses laços. Ainda assim, sempre digo que nasci no Brasil mas, em um certo modo, eu me fiz em Londres.

For me, a Brazilian native who has lived abroad for a long time, perhaps moving around just feels natural. The bonds I feel with my home country are very strong. They give me the strength to be a proud Brazilian living anywhere in this world, however, while I was born in Brazil, somehow I feel I was made in London.